Review – A Chegada

5 de novembro de 2014

Uma das melhores coisas de se passear com os amigos por shoppings e livrarias é que, por mais que você e seus amigos tenham interesses em comum, os pontos de vista continuam sendo diferentes. Eventualmente, eles vão enxergar coisas que você não teria visto se estivesse sozinho, e são capaz de apontar coisas bem interessantes. Foi exatamente isso que aconteceu comigo: eu estava caminhando pela livraria com minha amiga (oi, Alline! \o) e ela avistou este graphic novel FANTÁSTICO do Shaun Tan.

A Chegada (do original The Arrival) é um graphic novel que conta, apenas com imagens, a vida e as dificuldades de um imigrante que se despediu da família e resolveu se aventurar em uma terra desconhecida na busca de oportunidades melhores de trabalho. Conforme o tempo se passou, ele foi encontrando vários outros imigrantes que já estavam se estabelecendo por lá e você fica sabendo um pouco mais a respeito da história deles.

Devo dizer que a coisa me chamou a atenção para este livro logo de cara foi o traço de Shaun Tan. O livro inteiro foi feito como se tivesse sido desenhado a lápis, seguindo um estilo bem realista. Só para dar uma idéia, veja só as imagens que você encontra assim que abre o livro:

SAM_1136

Achei incrível como Tan foi capaz de deixar as particularidades étnicas de cada pessoa tão acentuadas e, ao mesmo tempo, tão naturais. Cada um dos retratos parece ter sido retirado de documentos antigos. Belíssimo.

O talento de Shaun Tan não pára por aí: cada uma das páginas foi desenhada com um esmero enorme. A quantidade de detalhes e a maneira como ele trabalha com luz e sombra são de encher os olhos. Tudo isso impresso em um papel glossy de qualidade. Do começo ao final, você tem em suas mãos um material feito com muito carinho e cuidado, até mesmo no título, feito como se fosse um documento de imigração:

SAM_1137 SAM_1138

Quanto à história, apesar de ela se passar num universo de fantasia, que mistura elementos do mundo como o conhecemos com elementos de um universo meio steampunk/anos 40, ela retrata de maneira primorosa uma realidade que existe até hoje: a estranheza que as pessoas precisam enfrentar mediante um lugar completamente desconhecido. Conforme você acompanha o imigrante, dos processos legais até os de adaptação, é fácil se identificar com a situação dele.

SAM_1141 SAM_1142

O enredo e os problemas enfrentados pelo imigrante são fáceis de entender, os personagens são bastante carismáticos e expressivos e essa criatura da capa é algo ridiculamente adorável:

SAM_1143

Você pode encontrar este livro na Livraria Cultura (e não, não estamos sendo pagos para anunciar este livro).

No mais, este livro é uma excelente fonte de referências para quem desenha. Altamente recomendado!

 

Copyright Agentes do L.I.V.R.O. © 2014-2017