5 Autoras que eu recomendo (e outras 5 que eu quero conhecer!)

16 de março de 2016

Março é o mês das mulheres e eu sinto que estaria fazendo um desmérito ao blog dos Agentes do L.I.V.R.O. se eu deixasse a data passar em branco. Então, em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres, que foi na semana passada, resolvi fazer um breve post sobre as minhas 5 autoras preferidas… e as 5 autoras que eu estou ansiosíssima para conhecer!

1. Anne Rice
Começando pela minha autora preferida, Anne Rice! Autora das séries The Vampire Chronicles, The Mayfair Witches dentre outras, ela é uma das autoras que me fizeram voltar a ler na época da faculdade. O estilo de escrita dela é um pouco mais lento que eu gosto de ler hoje em dia, mas eu ainda sou fanática pelas descrições pomposas e pelos personagens que ela desenvolve, quase todos fascinados pela própria beleza. Dos livros que ela escreveu, os meus preferidos são Entrevista com o Vampiro, A História do Ladrão de Corpos e Chore para o Céu.

2. Gillian Flynn
Gillian Flynn é uma autora que recentemente capturou minha atenção pela descrição de personagens extremamente problemáticos e cuja moralidade é bastante questionável. Já comentamos sobre Garota Exemplar no episódio 26 e sobre Lugares Escuros no episódio 35. Objetos Cortantes está na minha lista de livros para ler ainda este ano. Meu livro preferido dela, por enquanto, é Garota Exemplar.

3. Jane Austen
Vou ser sincera, eu li muito pouco dos trabalhos dela e não sou tão fã de Orgulho e Preconceito quanto grande parte das pessoas que já leram as obras dela (mas adorei o filme), mas reconheço a importância dos livros dela e do quão revolucionárias eram suas idéias. Acho que muito do que temos na literatura contemporânea se devem a ela. Dos livros que eu já li da Austen, o meu preferido continua sendo A Abadia de Northanger.

4. Lygia Fagundes Telles
Para falar a verdade, não tenho o costume de ler muitos livros de autores brasileiros porque a maioria não escreve sobre temáticas que tenham me chamado a atenção. Os livros da época do vestibular foram particularmente problemáticos justamente porque eu não tinha o menor interesse pelo que tinham me obrigado a ler. No entanto, mesmo na época do vestibular, um livro me chamou fortemente a atenção e até agora eu sou apaixonada por esse livro, que é o Seminário de Ratos. Até hoje, eu lembro claramente de três dos contos desse livro: Tigrela, WM e o primeiro conto desse livro, cujo título não consigo me recordar no momento, mas falava sobre um rapaz jovem que resolveu passar uma temporada num hotel habitado essencialmente por pessoas idosas.

5. Rainbow Rowell
Outra autora bastante recente que chegou na minha vida chutando a porta do meu coração. Eu gosto bastante da maneira como a Rowell aborda o romance nos livros dela e não vejo a hora de ler mais livros! O meu livro preferido, por enquanto, é Carry On, sobre o qual falei no episódio 45.

Agora, com relação a autoras cujas obras desejo fortemente conhecer:

1. Chimamanda Ngozi Adichie
O único livro dela que eu li até agora foi Sejamos Todos Feministas, sobre o qual comentei no episódio 44. Adichie tem se tornado uma autora bastante popular no booktube e na comunidade literária, com seus discursos fortemente feministas e histórias que tratam de diferenças sociais e culturais. O livro dela que estou mais ansiosa para ler é Americanah.

2. Elizabeth Wein
Já comentei sobre o livro Codinome Verity no episódio 41 e achei muito bacana finalmente encontrar um livro sobre a Segunda Guerra Mundial protagonizada por duas mulheres, com um pouco menos de foco na ação e mais foco na parte estratégica da guerra. Ela escreveu mais dois livros com a mesma temática e, se eles tão bons quanto o que eu li, sinto que posso lê-los com a expectativa relativamente alta!

3. Harper Lee
Harper Lee faleceu no dia 19 de Fevereiro deste ano e deixou ao mundo os livros O Sol é para Todos e Vá, Coloque um Vigia. Estou ansiosíssima para ler ambos os livros.

4. Robin Hobb
Eu já ouvi falar dos livros da Robin Hobb já faz um bom tempo. Junto com a Melanie Thrawn, elas são praticamente referência em termos de livros de fantasia, e sinto que este é o ano ideal para parar de procrastinar e ler logo a Trilogia Farseer.

5. Victoria E. Schwab
Por fim, temos V.E. Schwab, autora de Vicious e A Darker Shade of Magic (que, se não me engano, estão para ser lançados aqui no Brasil). Também só tenho ouvido falar coisas ótimas a respeito dos livros dela, então… vamos que vamos!

Quais são as suas autoras preferidas? Quais são as autoras cujos livros vocês têm interesse em conhecer? Deixem-nos seus comentários!

  • Timóteo Rezende Potin

    Gostei muito da lista, Melanie!
    Dessas autoras aí eu só conheço a Robin Hobb, que eu li o primeiro livro da trilogia Farseer, que gostei muito, só não continuei a série pq o Sanderson me fisgou e não vai me deixar ler mais nada até eu terminar os livros da Cosmere, apesar de ter um ritmo mais lento (e pelo que eu vejo, a tendencia é ficar cada vez mais lento ao longo da trilogia). Mas ela manda muito bem. Uma coisa que me chamou atenção no estilo dela é o fato de, pelo menos nesse primeiro livro que eu li, ela não gastar muito tempo explicando as coisas. Ela não trata o leitor como burro em nenhum momento. Muita coisa da história vc pega é pelas epígrafes (tipo o que o Sanderson costuma fazer mesmo em Mistborn) dos capítulos e tal, e se ela deu nas epígrafes, dificilmente ela vai ficar repetindo no meio do texto. Vale muito a pena. Talvez até renda um episódio, se vc convencer o Thiago a ler.

    Também “conheço” a Gillian Flynn. Só li um conto dela (What do you do?, publicado na antologia Rogues do George RR Martin e do Gardner Dozois) e gostei MUITO! Foi o melhor conto da antologia (e é uma ótima antologia, na minha opinião). Quero muito ler os livros maiores dela.

    E queria deixar uma sugestão aqui. Não sei se vc conhece o trabalho da Ursula K. le Guin, mas ela uma das maiores autoras de fantasia e ficção científica de todos os tempos. Inclusive, acho que ela é tida como A melhor escritora de ficção cientifica de todos os tempos. Os livros mais famosos dela se nao me engano são Left Hand of the Darkness no campo da ficção cientifica e The Earthsea Cycle no campo da fantasia. Inclusive, muita gente grande de hoje, como Patrick Rothfuss, praticamente se ajoelha aos pés dela. Se não me engano o Rothfuss já admitiu que a principal influencia e inspiração para criar The Kingkiller Chronicle foi The Earthsea Cycle.

    • Pois é, Timóteo, Sanderson também é a razão pela qual ainda não li nada da Robin Hobb (e de vários outros autores, para ser sincera). A idéia é que eu leia a trilogia Farseer ainda este ano (se o Brandon não me resolver lançar a tal da novella de Stormlight Archive em 2016), mas também tem vários outros livros sobre os quais queremos falar ainda este ano em episódios exclusivos. Tá difícil!!

      Eu ouvi falar desse conto da Gillian Flynn e a antologia Rogues está na minha lista de livros para ler não só por causa desse conto dela, mas também pelo conto do Bast que o Pat Rothfuss escreveu. Mas aí você vai ver a duração desse audiobook no Audible e… rapaz, mais de 30 horas? Tudo bem que são várias pequenas histórias que, pelo menos em tese, se fecham, mas mesmo assim! Bem, ainda este ano pretendemos falar sobre O Temor do Sábio, então é bem capaz que Rogues entre na lista mais rápido do que eu mesma tenho noção!

      Eu acho que já ouvi falar da Ursula K. Le Guin. Recentemente salvei um link aqui com as 51 melhores séries de fantasia já escritas e ela estava listada lá. Vou te dizer o seguinte: se está naquela lista, pode crer que ela já está na lista de livros sobre as quais vamos falar no podcast mais cedo ou mais tarde!

Copyright Agentes do L.I.V.R.O. © 2014-2017